EXPANSÃO RÁPIDA DA MAXILA

RELATO DE CASO CLÍNICO

  • Renata Flores Patrícia Flores
  • Ana Paula Aguiar
  • Leonardo Monteiro da Silva
  • Adriana Aparecida Crepaldi
  • Viviane Curi
  • Maria de Lourdes Crepaldi Doutora em Educação (Pontifíca Universidade Catóçica de São Paulo), Diretora de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão da FAIPE
  • Marcus Vinicius Crepaldi

Resumo

A atresia maxilar é uma deformidade dento facial cada vez mais vista entre as más oclusões, ela pode ser caracterizada pelo estreitamento da arcada superior no sentido transversal, causando uma desarmonia em relação à mandíbula. A disjunção rápida da maxila é um dos meios terapêuticos utilizados pelos ortodontistas no tratamento das deficiências transversais maxilares. Ela tem a capacidade de realizar com o auxílio de disjuntores palatais, estes que aplicam uma força produzida por tornos expansores associados a aparelhos fixos que promovem a abertura da sutura palatina mediana. Os aparelhos mais utilizados são o disjuntor de Haas (dentomucosuportado), o disjuntor McNamara (dento suportado com cobertura de acrílico), e o disjuntor de Hyrax (dento suportado). Entre as indicações estão: deficiência real maxilar, deficiência relativa maxilar, atresia de bases ósseas nas dentições decídua e mista e ganho esquelético nas dimensões laterais da maxila. Neste caso clinico, foi utilizado o aparelho do tipo Hyrax, que tem sido o aparelho expansor da maxila bastante usado e eficaz, permitindo que o paciente possa efetuar melhor sua higienização.

Biografia do Autor

Renata Flores Patrícia Flores

Cirurgiã dentista, aluna da Esp. em Ortodontia, FAIPE.

Ana Paula Aguiar

Mestre em Ortodontia (UNIARARAS), Esp. em Ortodontia (FAIPE), docente da Pós-Graduação em Ortodontia FAIPE e graduação em Odontologia FAIPE.

Leonardo Monteiro da Silva

Cirurgião dentista, Esp. em Endodontia e Prótese Dentária, Coordenador e docente da graduação em Odontologia FAIPE.

Adriana Aparecida Crepaldi

Mestre em Odontologia (USP), docente da graduação em Odontologia FAIPE.

Viviane Curi

Doutora em Ciências da Saúde (USP/FAMERP/SP), Mestre em Ciências da Saúde (USP/FAMERP/SP), Especialista em Periodontia (USP/SP), docente da graduação em Odontologia FAIPE.

Marcus Vinicius Crepaldi

Cirurgião denstista, Doutor em Ortodontia (USP), Mestre em Ortodontia, Docente da Pós-Graduação em Ortodontia FAIPE.

Referências

ANGELL, E. H. Treatment of irregularity of the permanent or adult teeth. Part 2. Dental Cosmos, Philadelphia, v. 1, n. 10, p. 599 - 600, June 1860.
ARAÚJO, M. C. Tratamento da mordida cruzada unilateral funcional por meio da expansão rápida da maxila: relato de caso clínico. 2012. 27 f. Monografia (Graduação) - Curso de Odontologia, Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2012.
AZENHA, M. R. et al. Expansão rápida da maxila cirurgicamente assistida. Revista da literatura, técnica cirúrgica e relato de caso. Revista Portuguesa de Estomatologia, Medicina Dentária e Cirurgia Maxilofacial, v. 49, n. 1, p. 25-30, 2008.
BACCETTI, T. et al. Early dentofacial features of Class II malocclusion: A longitudinal stydy from the deciduous through the mixed dentition. Am. J. Orthod. Dentofacial Orthop., v. 111, n. 5, p. 502-509, May 1997.
BACCETTI, T. et al. Skeletal effects of early treatment of Class III malocclusion with maxillary expansion and face-mask therapy. Am. J. Orthod. Dentofacial Orthop., v. 113, n. 3, p. 333-343, Mar. 1998.
BARRETO, G. M. et al. Avaliação transversal e vertical da maxila, após expansão rápida, utilizando um método de padronização das radiografias póstero-anteriores. Rev. Dental Press Ortodon. Ortop. Facial, Maringá, v. 10, n. 6, p. 91-102, nov./dez. 2005.
BELLUZZO, R. H. L. et al. Atresia maxilar: há diferenças entre as regiões anterior e posterior. Dental Press J. Orthod., v. 17, n. 4, p. 25.e1-25.e6, July/Aug. 2012.
BERGAMASCO, F. C. Expansão Rápida da Maxila. 2015. 41 f. Trabalho de Conclusão do Curso (Graduação em Odontologia) – Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2015.
BISHARA, S. E.; STALEY, R. N. Maxillary expansion: clinical implications. Am. J. Orthod. Dentofac. Orthop., v. 91, n. 1, p. 3-14, Jan. 1987.
BRAMANTE, F. S. Estudo cefalométrico em norma lateral das alterações dentoesqueléticas produzidas por três tipos de expansores: Colado, tipo Haas e Hyrax. 2000. 258 f. Dissertação (Mestrado) – Faculdade de Odontologia, Universidade de São Paulo, Bauru, 2000.
CANUTO, L. F. G. et al. Influence of rapid palatal expansion on maxillary incisor alignment stability. Am. J. Orthod. Dentofacial Orthop., v. 137, n. 2, p. 164.e1-164.e6, Feb. 2010.
CAPELOZZA FILHO, L.; SILVA FILHO, O. G. Expansão rápida da maxila: considerações gerais e aplicação clínica. Parte II. Rev. Dental Press Ortodon. Ortop. Maxilar, v. 2, n. 4, p. 86-108, jul./ago. 1997.
FABRINI, F. F.; GONÇALVES, K. J.; DALMAGRO FILHO, L. Expansão rápida da maxila, sem assistência cirúrgica, utilizando Hyrax. Arq. Ciênc. Saúde Unipar, v. 10, n. 3, p. 177-180, set./dez. 2006.
FABRINI, F. F.; GONÇALVES, K. J.; DALMAGRO FILHO, L. Expansão rápida da maxila, sem assistência cirúrgica, utilizando Hyrax. Arquivos de Ciências da Saúde Unipar, Umuarama, v. 10, n. 3, p. 177-180, set./dez. 2006.
FERREIRA, C. M. de P. et al. Efeitos dentais e esqueletais mediatos da E.R.M. Utilizando o disjuntor Hyrax. Revista Dental Press Ortodontia e Ortopedia Facial, Maringá. v. 12, n. 4, p. 36-48, jul./ago. 2007.
GREGORET, J.; TUBER, E.; ESCOBAR, L. H. Aparatologia auxiliar: o tratamento ortodôntico com arco reto. São Paulo: Livraria e Editora Tota, 2007. p. 247-310.
HAAS, A. J. Rapid expansion of the maxillary dental arch and nasal cavity by opening the midpalatal suture. Angle Orthod Appleton, v. 31, n. 2, p. 73-90, April 1961.
JACOUBS, J. D. et al. Control of transverse dimension with surgery and orthodontics. Am. J. Orthod., v. 77, n. 3, p. 284-306, 1980.
LEÓN, A. P. F. Aparelho expansor colado com cobertura acrílica para o controle vertical, durante a expansão rápida da maxila: Apresentação de um caso clínico. Rev. Dental Press de Ortodontia e Ortopedia Facial, v. 3, n. 3, p. 25-34, maio/jun. 1998.
LIMA, A. L.; LIMA FILHO, R. M. A.; BOLOGNESE, A. M. Long-term clinical outcome of rapid maxillary expansion as the only treatment performed in class I malocclusion. Angle Orthodontist, v. 75, n. 3, p. 416-420, 2005.
LOPES, D. G.; NOUER, P. R. A.; TAVANO, O.; MIYAMURA, Z. Y.; ARSATI, I.; WASSALL, T. RGO, v. 51, n. 4, p. 237-242, out. 2003.
MARTINS, M. C. F. et al. Expansão rápida da maxila: análise da densidade radiográfica da sutura palatina mediana e sua correlação nos estágios de neoformação óssea, por meio de imagem digitalizada. Rev. Dental Press Ortodon. Ortop. Facial, v. 14, n. 5, p. 38.e1-38.e9, set./out. 2009.
MARZBAN, R.; NANDA, R. Slow maxillary expansion with nickel titanium. Journal of Clinical Orthodontics, v. 33, n. 8, p. 431-441, Ago. 1999.
McNAMARA, J. A. Maxillary transverse deficiency. Am. J. Orthod. Dentofacial Orthop., v. 117, n. 5, p. 567-570, May 2000.
PARANHOS, L. R.; CRUVINEL, M. O. B. Respiração bucal: alternativas técnicas em ortodontia e ortopedia facial no auxílio ao tratamento. J. Bras. Ortodon. Ortop. Facial, v. 8, n. 45, p. 253-259, maio/jun. 2003.
PEDREIRA, M. G. et al. Avaliação da Atresia maxilar associada ao tipo facial. Dental Press J. Orthod., v. 13, n. 3, p. 71-77, May/June 2010.
PUERTA, G. Expansión rápida maxilar. Informe de un caso. Colombia Médica, v. 32, n. 3, p. 152-155, 2001.
ROCHA, T. S. Expansão rápida da maxila. 2009. 48 f. Monografia (Especialização em Ortodontia) - FUNORTE/SOEBRÁS Núcleo Brasília, Brasília, 2009.
ROSSI, R. R. P.; ARAÚJO, M. T.; BOLOGNESE, A. M. Expansão maxilar em adultos e adolescentes com maturação esquelética avançada. Rev. Dental Press Ortodon. Ortop. Facial, v. 14, n. 5, p. 43-52, set./out. 2009.
SIQUEIRA, D. F. et al. Expansor colado simplificado: relato de caso clínico. Rev. Clín. Ortodon. Dental Press, v. 7, n. 1, p. 52-63, fev./mar. 2008.
TIMMS, D. J. The dawn of rapid maxillary expansion. The Angle Orthodontist, v. 69, n. 3, p. 247-250. 1999.
TIMMS, D. J. The effect of rapid maxillary expansion on nasal airway resistance. Br J Orthod., v. 13, p. 221-228, 1986.
VERNA, C. et al. Passive and active overlay systems. Journal of Clinical Orthodontics, v. 38, n. 12, p. 673-676, Dec. 2004.
VILELA, E. F. Avaliação dos resultados dentários, esqueléticos e faciais decorrentes da expansão rápida de maxila. 2013. 46 f. Monografia (Especialização em Ortodontia) - ICS – FUNORTE/SOEBRÁS, Anápolis, 2013.
WEISSHEIMER, A. et al. Immediate effects of rapid maxillary expansion with Haas-type and hyrax-type expanders: a randomized clinical trial. Am. J. Orthod. Dentofacial Orthop., v. 140, n. 3, p. 366-376, Sep. 2011.
YÁÑEZ, E. E. R.; ARAUJO, R. C.; MARCOTE, A. C. N. Mordida cruzada. 1001 Dicas em Ortodontia e seus Segredos. Rio de Janeiro: Livraria e Editora Revinter, 2009. p. 185-235.
Publicado
2021-05-27
Como Citar
FLORES, Renata Flores Patrícia et al. EXPANSÃO RÁPIDA DA MAXILA. REVISTA FAIPE, [S.l.], v. 11, n. 1, p. 25-40, may 2021. ISSN 2179-9660. Disponível em: <https://revistafaipe.com.br/index.php/RFAIPE/article/view/228>. Acesso em: 14 june 2021.
Seção
ODONTOLOGIA

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##

1 2 3 > >>